5 Motivos para ser um Voluntário

Em tempos onde o dinheiro aparentemente vale mais que caráter ou solidariedade, você já se perguntou por quê não ser um voluntário?

Não estamos falando de voluntariado para eventos esportivos, como o das Olimpíadas e/ou Copa, onde o voluntário praticamente paga, para poder ajudar.

Não é nada disso!

Nesse texto (um pouco pessoal eu diria), conto um pouquinho sobre como ser um voluntário e as vantagens desse trabalho, assim como escolher a organização que mais se encaixe com você. Vamos lá?
Como nunca pude doar sangue, e sempre quis poder ajudar ou participar de algo voltado para o voluntariado, resolvi pesquisar mais a fundo sobre. E por coincidência ou não, foi justamente no período do Dia das Boas Ações. Me inscrevi em várias ações, porém somente uma deu certo e me chamou para o evento, o Cachecois For Humanity. (Saiba mais sobre o nosso trabalho aqui).

Segundo o dicionário, voluntário é:

“n. adj (lat voluntariu) 1 Que se faz ou deixa de fazer, sem coação nem imposição de ninguém; que está em nosso poder ou que depende do nosso livre-arbítrio fazer ou deixar de fazer. 2 Feito espontaneamente, por vontade própria, sem constrangimento ou obrigação. 3 Feito ou praticado sem reflexão; instintivo, irrefletido. 4 Que só quer fazer a sua vontade; caprichoso, voluntarioso.”

Ou seja, para ser um voluntário, é preciso querer, e realizar tal ação simplesmente por amor, sem esperar nada em espécie em troca. Mas te garanto que esse “nada em troca”, é tão valioso e muito mais prazeroso que o próprio trabalho remunerado.

Alguns possíveis sites sobre Voluntariado:

Atados

O site Atados, é uma ferramenta completa. É possível encontrar a organização e o trabalho que mais se encaixe com você!

CVSP – Centro de Voluntariado de São Paulo 

Este é para os paulistanos. Também é possível filtrar o tipo de trabalho que você deseja.

Seja um Voluntário

Nesse site além de poder fazer parte de algum movimento e/ou ONG, é possível doar mantimentos, ou realizar uma doação online.

Existem muitos projetos com esse mesmo intuito, basta um empenho e uma pesquisa.

Imagem Google

                                                 (Imagem Google)

Saiba os 5 principais motivos para ser um voluntário:


1. Sentimento do “ser útil”

A taxa de desemprego no Brasil está altíssima, e as pessoas cada vez mais estão desanimadas pela falta de oportunidade. Ao invés de entrar em desespero, faça um trabalho social, colabore de alguma maneira para continuar a manter sua mente em trabalho, e sentir-se útil por fazer parte de algo. E quem sabe até novas portas podem se abrir.

2. Colaborar para um mundo melhor

Em todo lugar existe a pobreza. Até nos países desenvolvidos há, por menor que seja a taxa, sempre haverá quem tenha mais que o outro. É como aquele ditado popular “de pouquinho em pouquinho faz-se a diferença”. Você pode até pensar ser aquele menos de 1% que colabora, o que é verdade, mas com a persistência desse grupo seleto, pode-se melhora o mundo em que vivemos.

3. Conhecer a si mesmo

Quando se faz um trabalho social, por menor que seja, você acaba por conhecer um lado seu, até então não existente. Conhece e aprimora sua resistência, sentimentos e emoções.

4. Melhora o relacionamento com pessoas

Você estará sempre conhecendo pessoas novas, então até os mais tímidos têm por lidar com isso. Você involuntariamente acaba sendo mais sociável, e sabe como falar e agir em determinadas situações.

5. Harmonia interior

Esse é o motivo que mais revoluciona a alma do ser humano. Por mais que você se sinta útil, o sentimento de dever cumprido ainda é maior e mais prazeroso. Aquele “podia ter feito”, torna-se “eu fiz”. E não há nada melhor do que isso. Fazer parte, ser o diferencial e ainda voltamos com aquele amor primário ao próximo que temos quando criança.

Se leu até aqui, espero ter contribuído e despertado o seu interesse para essa atitude tão grandiosa, que é o trabalho voluntário.

Comentários

Comentários